Furacão Elis


No aniversário da morte de Elis Regina, gostaria de indicar uma excelente biografia, que li no período de folga do último Natal: Furacão Elis, de Regina Echeverria (Ediouro). Ótimo texto, muitas revelações de cunho pessoal e uma minuciosa discografia.  Furacão Elis também deixa claro que a Pimentinha torcia para o Grêmio (do estado natal) e Corinthians (no estado que adotou). Tem foto e tudo de Elis com a camisa branca corintiana – branca mesmo, sem os zilhões de patrocinadores de hoje. Aproveito para mencionar uma música de Gil gravada por Elis que fala de futebol, em dica de CD e DVD do meu Fut Pop Clube.

ElisMeio de Campo” é do disco “Elis“, 1973. Música de Gilberto Gil, que a gravou no disco “Cidade do Salvador”, também de 1973 (leia letra e ouça aqui a versão de Gil). Escrita como uma carta ao “prezado amigo Afonsinho”, meio-campo que começou no XV de Jaú, se celebrizou no Botafogo e atuou ainda por Olaria, Santos, Flamengo, América-MG, Madureira e Fluminense. O jogador que lutou pelo passe livre e outros direitos dos atletas. Também ficou ótima na voz de Pedro Lima, disco “Futebol Musical Brasileiro Social Clube”, assunto do blog anteriormente.

TramaNo excelente DVD “MPB Especial – 1973-Programa Ensaio“, lançado pela Trama em parceria com a TV Cultura, Elis canta “Meio de Campo”. Bem à vontade, no fim da canção, ela comenta, meio brincando e com toda razão, que Tostão não deve ter gostado muito da letra…

Ouça trechos de “Meio de Campo aqui, link para o site Discos do Brasil.

Anúncios

3 comentários sobre “Furacão Elis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s