Aerosmith

Pronto pro show do Aerosmith?

Depois de tocar em Porto Alegre, o quinteto de Boston aporta neste sábado no Palestra Itália, estádio do Palmeiras, na zona Oeste de São Paulo (Metrô: Barra Funda, mais uma caminhada que não faz mal à ninguém).

O Aerosmith costuma ser citado junto com os Rolling Stones, em comparações quase sempre não muito lisonjeiras.

Não tô nem aí, eu curto. É um ótimo grupo grupo de hard rock, foi uma coisa mega nos EUA, influenciou um monte de banda… Até os rappers do Run DMC. A regravação hipo hop de “Walk This Way” com canja de Tyler e Perry ajudou, sim, a alavancar o retorno do Aerosmith nos anos 80… Mas ouça a original… Não tinha lá já alguma quebrada de rap?

Perdi da última vez, no Morumbi…mas nas turnês anteriores que pude ver, Tyler e Perry arrepiavam, em grandes performances.

Dupla apelidada (ex-)Toxic Twins, numa analogia aos Glimmer Twins (imagine quem? Jagger e Richards).

O excelente blog Volume, do portal ClicRBS, cobriu o show em Porto Alegre e publicou o set-list (se você gosta de saber a ordem das músicas antes, siga a leitura). Uma penca de clássicos e hits dos últimos anos de estrada.AEROSMITH

Set-list do show de Porto Alegre, 27/05/2010:

Fonte: blog Volume, do ClicRBS

  • Love in a Elevator
  • Mama Kin
  • Falling in Love (Is Hard On The Knees)
  • Pink
  • Dream On
  • Livin’ on the Edge
  • Jaded
  • Crazy
  • Cryin’
  • Solo bateria de Joey Kramer
  • Lord Of  The Thighs
  • I Don’t Want To Miss a Thing
  • Rag Doll
  • What It Takes
  • Sweet Emotion
  • Stop Messin’ Around
  • Baby Please Don’t Go
  • Draw the Line

Bis:

  • Walk This Way
  • Train Kept A-Rollin’

Repertório bom pra caramba!!!!!

Anúncios

2 comentários sobre “Aerosmith

  1. Show do Palestra foi muito bom. Os caras mostraram respeito com o público, entrando logo no palco e detonando clássicos. Ainda bem que o banda desistiu da idéia de detonar o Tyler e resolveu fazer mais uma turnê com ele.Outra voz no comando não teria nada a ver.

    Perry inspiradíssimo, desfilando diferentes guitarras , Hamilton com baixão de 5 cordas, Whitford e Kramer completando o quinteto com maestria.

    Meus destaques vão pra “What it takes” e pro duelo Perry vs Guitar Hero. Ausências sentidas: “Ämazing” e “I don’t want to miss a thing”.

    Show perfeito musicalmente e com boa produão visual.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s