Rock doc: “Sem Dentes: Banguela Records e a Turma de 94″.

11406861_889570501116242_7877775708695636856_n

facebook.com/semdentesdoc

Talvez quem curta hoje sons como Raimundos ou Mundo Livre S/A no seu Spotify (ou em vinil relançado) não saiba o que foi Banguela Records, muito menos a importância que esse selo (criado pelos Titãs e pelo produtor Carlos Eduardo Miranda) teve na metade dos anos 90, ao lado do selo Chaos, ligado à Sony Music (Skank, Chico Science & Nação Zumbi). Eram tempos em que as bandas mandavam fitas k7 -as demo-tapes – para gravadoras, revistas e fanzines em busca de uma janelinha no busão da cena independente. Como aconteceu com os Raimundos. A fitinha da banda forró-core de Brasília foi parar nas mãos do Miranda. O resto é história do rock indie no Brasil.

11406729_838045036242878_6461046450793831573_nPra falar sobre ótima safra, tá aí o doc “Sem Dentes: Banguela Records e a Turma de 94″, do jornalista Ricardo Alexandre, que acompanhou tudo de perto. Vai passar no festival In~Edit Brasil em São Paulo. E em São José dos Campos, Jundiaí, Prudente, Porto Alegre e BH. Valeu? Vamos nessa.

Continuar lendo

Deixe um comentário

26/06/2015 · 19:11

‘Paco de Lucía: la búsqueda’

download
O mundo da música perdeu Francisco Sánchez Gómez, o Paco de Lucía, em fevereiro de 2014. Ainda em 2015, o fã brasileiro pode ter oportunidade de ver um documentário dirigido por Curro Sánchez Varela, filho do mago da guitarra flamenca que também pesquisou o jazz. Paco de Lucía: La Búsqueda estreou no tradicional festival de cinema de San Sebastián e já passou fora no Canal Plus, coprodutor do filme. Duas filhas de Paco também estão na equipe: Casilda Varela, coroteirista, e Lucía Sánchez, coprodutora.

Os filhos já estavam fazendo o doc, e decidiram terminar o filme depois da morte de Paco, em 25 de fevereiro do ano passado. Segundo a Ilustrada (Folha de São Paulo, sábado), Paco de Lucía: La Búsqueda vai passar no Festival do Rio, no segundo semestre. Antes, abre o In-Edit Brasil -n festival internacional do documentário musical. Sampa, primeiro de julho.Tem 95 minutos e chega com um Prêmio Goya de melhor documentário na bagagem.
* Cinesesc, 01/07, 20:30h

* Cinesesc, 04/07, 21h

* Cinemateca Sala BNDES, 11/07, 18h
Enquanto isso, mate a saudade neste eletrizante trailer.
Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Agenda, Cinema, Flyer, Jazz, Música

Sharon Jones & The Dap-Kings | I Learned the Hard Way

Publicado em 08/11/2011
A soulwoman Sharon Jones canta muito, é um dínamo no palco e fez um dos grandes shows de 2011 em São Paulo. Seu grupo de apoio, Dap-Kings, é uma bandaça! Tanto que foi emprestado à Amy para as gravações de “Back to Black”. Mas d e m o r o u para sair este disquinho nacional – a trilha sonora perfeita para cair na estrada – ou para deixar mais alegres as horas de rush no trânsito de nossas cidades: “I Learned the Hard Way” (selo Oi Música). Altamente recomendado pra quem gosta de Aretha Franklin, Amy Winehouse, da trilha do filme “The Commitments – Loucos pela Fama”. Muito alto astral. Pintou uma festa de emergência? Pluga Sharon Jones no som que a pista de dança vai ficar cheia.

Faixas REC (essas são pra gravar, baixar, curtir): “Better Things”, “Give It Back”, “She Ain´t No Child Anymore”, “Mama Don´t Like My Man” e a faixa-título. Veja o clip de “I Learned the Hard Way” dentro do post.

Continuar lendo

4 Comentários

Arquivado em Funk, Música, Soul

Jazz/soul/funk numa tardinha de outono: Sharon Jones & the Dap-Kings no Ibirapuera (junho de 2011).

What a great time we had at Parque do Ibirapuera, so many people came out…Thank you all again!”, tuitou Sharon Jones, a diva do soul. E nós paulistanos e outros privilegiados que estivemos no parque do Ibirapuera neste domingo concordamos plenamente! Que show fizeram essa mulher e sua bandaça, the Dap-Kings (duas guitarras, baixo, bateria, percussão, dois saxofones,um trompete e duas excelentes backing vocalistas, que mandaram ver em Respect, clássico de Aretha Franklin)! Sharon é um vulcão de soul, funk e R&B! Com o perdão do trocadilho, pensei num “James Brown de vestido” (o godfather of soul/funk foi lembrado no bis, It´s a Man World). Performática, sim. Mas sua belíssima voz não pipoca em nenhum momento. No show, parece que é gravação de estúdio. Recomendo altamente Sharon Jones & the Dap-Kings. Já abri uma tag “shows do ano 2011″ porque neste domingo assisti a uma das fortes candidatas. Valeu, BMW Jazz Festival. Um showzaço desse nível, mais Joshua Redman e o filme Jazz on a Summer´s Day na tarde de 12 de junho. De graça. E com muita graça. Continuar lendo

6 Comentários

Arquivado em Agenda, É show pra ir!, Funk, Jazz, Música, Rhythm and Blues, Soul

Filme: “O Poder do Soul”

facebook soul power

Kinshasa, capital do Zaire (hoje Repúblixa Democrática do Congo), setembro de 1974. Os produtores Hugh Masekela e Stewart Levine inventaram um festival de música para aproveitar o auê da luta de boxe pelo título mundial entre os peso-pesados Muhammad Ali e George Foreman.

Zaire 74 reuniu feras como James Brown, godfather of soul, BB King, o rei do blues, Miriam Makeba, Celia Cruz, Bill Withers (que vozeirão!), The Crusaders, o conjunto vocal The Spinners e outros. 35 anos depois, sai o filme O Poder do Soul (Soul Power), já lançado em DVD e Blu-Ray. Um documentário tradicional de concerto, mas se você está atrás de um bom balanço, de música de alta voltagem, como eu, pode ir brincando. Continuar lendo

8 Comentários

Arquivado em Blues, Cinema, Filmes, Música, Soul

#8ApellidosVascos: “Oito Sobrenomes Bascos”, a maior bilheteria do cinema espanhol.

Publicado originalmente em FUT POP CLUBE:

A comédia ficou um bom tempo em cartaz no cine Callao, centro de Madri A comédia ficou um bom tempo em cartaz no cine Callao, centro de Madri

O comediante espanhol Dani Rovira (malagueño e malaguista como Antonio Banderas) estreou no cinema na pele de Rafa Quirós, torcedor de carteirinha do Real Betis(sócio nº  14.430), que tem 3 autógrafos do ídolo bético Gordillo (jogou dos 70 aos 90, foi lateral de seleção da Espanha), a canção “Sevilla Tiene Un Color Especial” (Los del Rio) como som do toque do celular e nunca tinha saído da Andaluzia. Até que conhece a basca Amaia (interpretada pela guapísimaClaro Lago (perdão, Rovira). Na vida real, Dani e Clara formam uma “pareja” desde 2014, ano de lançamento de “Ocho Apellidos Vascos”, que bateu um bolão na bilheteria – recorde do cinema do espanhol.

DSC07210 (1)O ‘pegador’ andaluz se apaixona e vai atrás da bela basca, que tinha levado um fora do noivo Antxon- casamento…

Ver original 419 mais palavras

Deixe um comentário

Arquivado em Música

Canção do América

Publicado originalmente em FUT POP CLUBE:

Fut Pop Clube em rede com a Coluna de Música

Brasil está vazio na tarde de domingo. Olha o sambão… “

A rodada deste fim de semana deveria ser toda dedicada ao compositor Fernando Brant(9/10/1946-12/06/2015). Torcedor e conselheiro do América Mineiro, frequentador do Independência, Brant morreu na sexta-feira. O Coelho decretou luto, publicou nota de pesar, fez minuto de silêncio na partida de ontem, contra o CRB, e todos os jogadores usaram camisas com o nome do letrista nas costas e ainda um trecho da música ‘Travessia’ (“Quando você foi embora fez-se noite em meu viver”). No intervalo do jogo, que terminou com a vitória do time de coração do compositor, teve leitura de um texto de pesar e de despedida, e rolou o hino não oficial do América, escrito por Fernando Brant.

Meu coração é verde e branco/
E assim, o jogo está em minhas mãos/
Sou americano…

Ver original 158 mais palavras

Deixe um comentário

Arquivado em Música

#5T0NES relançam #StickyFingers

Esta capa daí de cima é de uma edição brasileira em vinil de 1976, com zíper e tudo, de Sticky Fingers. O clássico dos Rolling Stones de 1971 está sendo relançado lá fora, em diferentes formatos, com versões alternativas e faixas extras:

http://www.rollingstones.com/stickyfingers/

Bem que a ZIP Code Tour poderia virar turnê CEP e passar pelo Brasil! Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Música, Rock

Blues Boy Rei. Vida eterna ao king of the blues!

11267854_789666501154711_4282497666011927928_n
“Live at San Quentin” pode até não ser um dos melhores dos muitos discos ao vivo que BB King lançou.
“Live at the Regal” é o que mais rouba elogios, de Eric Clapton (como ele falou nesta declaração) e do ex-stone Mick Taylor ao Joe Bonamassa (depoimentos no ótimo doc “BB King: The Life of Riley”).

Na tarde desta sexta-feira, a vitrola rolando, tocando BB King sem parar, não pude deixar de curtir “Into the Night” e “The Thrill is Gone” (Rick Darnell / Roy Hawkins). Que versão, esta faixa 2 do lado B. Na bandaça que acompanha Blues Boy, destaque aqui para a perfomance de Eugene Carrier nos teclados e Calep Emphrey na bateria.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Blues, Música, Rhythm and Blues

BB King̣ | “The Life of Riley”, no Canal Bis

Quem avisa… O amigo da Coluna, Serginho Duarte, um dos pontas de lança do do programa Rock Flu, deu o toque: o Canal Bis estreou nesta sexta-feira em que perdemos o rei do blues o documentário BB King | The Life of Riley, dirigido por Jon Brewer.
Reprise: sábado, às 21h30.
Depoimentos de Bono, Eric Clapton, Carlos Santana, Ringo Starr , Joe Bonamassa, Aaron Neville, Bill Szymczyk, Bill Wyman, Bonnie Raitt, Buddy Guy, Carver Randle, Derek Trucks, Dr. John, George Benson, Joe Walsh, John Mayer, John Mayall, Johnny Winter, Jonny Lang, Kenny Wayne Shepherd, Mick Taylor, Paul Rodgers, Ringo Starr, Ronnie Wood, Slash, Susan Tedeschi, Tina France, Walter Trout e Wayne Cartledge. Tem imagens exclusivas do BB King Museum. Confira o trailer.

Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Agenda, Blues, Cinema, Filmes, Flyer, Música, Rhythm and Blues

Em cartaz: “Cobain – Montage Of Heck”.

10997303_290452437796594_3098371860893992924_oO novo doc de Brett Morgen (ele fez “Crossfire Hurricane” pros Stones), “Cobain – Montage of Heck” já tem data pra estrear no Brasil: 18 de junho. Mas é bom correr, porque são poucas salas – a maioria da rede Cinemark, poucas sessões e o filme não deve ficar muitos dias em cartaz (até 22 de junho, segundo o site oficial, http://cobainfilm.com/).

  • Em São Paulo, Cinemark Eldorado e Metrô Santa Cruz.
  • Em BH, BH Shopping.
  • Brasília: Pier 21.
  • Curitiba: Barigui.
  • Porto Alegre: Barra Sul.
  • Recife: Cinemark Riomar Recife
  • Rio de Janeiro: Cinemark Botafogo e Downtown, Estação Net Gávea, Estação Net Rio.
  • Salvador: Cinemark Salvador Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Agenda, Cinema, Música, Punk rock, Rock